Quem sou eu

Minha foto

Fábio Navarro escolheu a escrita, pois não havia saída para o que fervia em seu hipotálamo. Desde os tempos onde, morando em um dos últimos círculos do inferno interiorano paulista,aprendeu que até um papel de pão servia como exorcismo. Nascido nos últimos dias de setembro, quando as folhas já não mais florescem. Expelido por entre restilos de cana de açúcar, dentro do ventre de uma cidade do interior, resolveu sair de casa cedo. Tão cedo que por mais que tente regredir o tempo, não consegue.

Mas esconde-se o máximo que pode através de fantasiosas inverdades escritas em papéis ou destiladas em espaços binários.

Fanático varrido por músicas estranhas, escreve sobre elas em dois sites cariocas, além do seu próprio espaço. 
Anarquista de HQ, descrente da profissão biológica e acreditando que Deus na verdade é Andy Kauffman, trabalha em seu segundo livro.

sexta-feira, 30 de julho de 2010

EXPLOSÕES DANÇANTES

As bandas de eletro rock continuam....

DYNASTY ELECTRICHouve um tempo onde o termo new-rave era capitaneado pelos Klaxons e quando se falava de rock indie para dançar, o nome do CSS já explodia por entre os riffs de pista. Passou o tempo, o movimento descendeu em força, mas as bandas continuaram a aparecer por aí. Essa dupla do Brooklyn é um dos exemplos mais bacanas desse novo movimento que arrasta esqueletos dentro de pistas. Jenny Electrik e seus vocais em looping hipnótico no melhor estilo Goldfrapp de ser, mais Seth Dynasty nas guitarras e Shimon na percussão colocam dentro dos ossos mais duros e resistentes uma mistura de décadas e sons, que variam dos 80 até as tecnologias sônicas mais cheias de riffs arrasadores. Do funk ao rock sempre em movimento e ainda com direito à uma cover impagável de Venus da banda Shocking Blues. A Dinasty Electric disponibiliza o EP BURNING gratuitamente no site (que você acha ao lado nas bandas citadas) e vale muito conferir de perto a trajetória desses fazedores de riffs mágicos.
Aqui no GD duas para começar bem a sua noite de sexta, BURNING e MOVE MY FEET

Burning









Move my feet







Nenhum comentário:

Postar um comentário