Quem sou eu

Minha foto

Fábio Navarro escolheu a escrita, pois não havia saída para o que fervia em seu hipotálamo. Desde os tempos onde, morando em um dos últimos círculos do inferno interiorano paulista,aprendeu que até um papel de pão servia como exorcismo. Nascido nos últimos dias de setembro, quando as folhas já não mais florescem. Expelido por entre restilos de cana de açúcar, dentro do ventre de uma cidade do interior, resolveu sair de casa cedo. Tão cedo que por mais que tente regredir o tempo, não consegue.

Mas esconde-se o máximo que pode através de fantasiosas inverdades escritas em papéis ou destiladas em espaços binários.

Fanático varrido por músicas estranhas, escreve sobre elas em dois sites cariocas, além do seu próprio espaço. 
Anarquista de HQ, descrente da profissão biológica e acreditando que Deus na verdade é Andy Kauffman, trabalha em seu segundo livro.

terça-feira, 20 de abril de 2010

ESCUTE ANTES QUE ACABE

OBRIGATÓRIO!!!!!!!!!!!!!!!!!

Calma pessoa ansiosa, obrigatório o que????

A banda:

MOUTH SOUNDS
É uma daquelas que pode desaparecer, mesmo porque seu único EP gravado em 2006 que se chama THIS IS NOT A DEMONSTRATION foi ouvido por no máximo 150 pessoas. Os shows foram apenas alguns em Flint e Michigan.
A banda terminou logo depois da gravação do EP, mas causou tanto impacto que é uma das prediletas de um cara que logo mais falaremos por aqui que se chama Doc Matthews que além de ter um projeto musical sensacional (Numbers Game), dirige documentários e trabalha com uma das bandas mais cultuadas da atualidade, o Animal Collective.

Mas vamos ao Mouth Sounds. Porque eles?
Primeiro, pois banda que tem apenas um EP, acaba depois de lança-lo de forma independente já merece uma audição, afinal de contas quer atitude mais punk que essa????
Segundo porque o quarteto é visceral.
Todo o disco da banda é recheado de pancadas no estômago sem avisos prévios. A voz de Renne, a vocalista que parece uma menina saída das fraldas do inferno, é tão recheada de navalhas afiadas que vai fazer você querer fazer um stage dive na sala.
Tudo é muito cru e urgente e o resto da banda (Eric, Jon e Nick), providencia uma cozinha que não é mais nervosa, porque são apenas sete músicas. Muito da energia de um Deerhoof tomado por anfetaminas e ganchos de direita poderosos.

Aqui no Gd você ouve duas da boca sonora:

SKELETONS HANDS









GESIS IS MAGIC









E o EP se você quiser baixar CLICA AQUI

Nenhum comentário:

Postar um comentário